12 junho 2006

Viagem a Guimarães

















Como tinha prometido, aqui estão algumas das muitas fotografias que tiramos durante o fim de semana.
Como já tinha dito hoje de manhã foi um espectáculo.
Saímos no Sábado logo de manhão apanhamos o metro para Campanhã e ao meio dia já estavamos no quarto do hotel a pousar as nossas coisas.
Logo de seguida, rumamos para começar a nossa visita pela cidade a que se seguiu um almoço muito agradável. Após isto continuamos o nosso passeio e regressamos ao hotel para descansar um bocado, pois esse também era o objectivo do nosso fim de semana.
Findo o breve descanso fomos até ao cinema ver o filme "Missão Impossivel III" e depois aproveitamos para jantar no shopping.
De regresso ao hotel como já estavamos tão cansados decidimos vir de táxi. Para terminar anoite fomos até ao bar do hotel tomar um cafézito para recolhermos ao nosso quarto.
No Domingo de manhã acordamos cedo tomamos um banho bastante relaxante e fomos tomar o pequeno almoço para restabelecer energias para continuar a explorar a cidade, que é tão bonita e agradável de se ver.
Ao fim do almoço, regressamos a Matosinhos pois tinha que preparar as coisas para mais uma semana de trabalho, esta bem curta por sinal, e tinha que estar pronta para apoiar a nossa selecção.
Bem não vos maço mais, mas como tinha prometido aqui está a descrição do meu fim de semana. E uma coisa é certa eu nunca falho a uma promessa e principalmente a todos aqueles que trago no coração, que é como vocês estão.
P.S.: Este foi sem dúvida alguma o post maior que eu já publiquei.

3 comentários:

Lita disse...

Minha querida
fico feliz por teres descansado e aproveitado o passeio.
Guimarães de facto é muito bonito e como não é muito agitado, é um bom local para relaxar.
Beijinhos grandes

Barriguita disse...

Ainda bem que aproveitarem estes dias de descanso. Umas min-férias, nem que seja só de 2 dias, sabem sempre muito bem.

Queria agradecer-te pelas tuas palavras no meu blog. o fundo do coração..
Beijinhos!
Sílvia

Clara Sonhadora disse...

Não te perdoo... estiveste cá e não disseste nada... ta,bém, não podias saber, não é verdade?! E eu não estava... portanto, desta vez, estás perdoada!

Tinha-te "perdido", mas mal entrei, dei logo por ti (ai a minha cabeça)