18 maio 2006

Passar a ferro - Parte II



Decididamente para mim passar a ferro é mesmo um autêntico martírio. E, ontem, eu não estava para me martirizar e, por isso, só passei mesmo a roupa para trazer hoje. Sim, porque par a meu grande azar, não estava passada. Mas, também quem me manda a mim, apesasr, de ter tanta roupa gostar de andar sempre com o mesmo estilo.
Mas bem lá noi fundo acho que todos nós temos as nossas roupas favoritas.
No fundo, mas mesmo bem lá no fundo, apesar de eu dizer o contrário pela boca fora, eu tenho certeza que agora só volto a passar no sábado á tarde, e aí, sim vou estar toda a tarde agarrada ao ferro.

Sem comentários: